Dicas

As melhores dicas para estudar na Itália

há 4 meses

Estudar na Itália não é nenhum mistério, mas mesmo assim, muitas pessoas costumam ter dúvidas sobre como é o processo para estudar no país, assim como também se questionam sobre como é o seu sistema de ensino e também a sua qualidade.

Por isso, decidimos elaborar um post sobre como é o sistema de ensino na Itália, como você pode estudar no país e um benefício que você pode ter se estudar no país. Confira abaixo:

O sistema de ensino da Itália

Aqui no Brasil, nós costumamos pensar que o sistema de ensino só começa a ficar um pouco mais intensificado apenas no Ensino Médio, onde nos preparamos para um exame nacional que pode decidir os nossos caminhos e carreiras. Indo depois para o ensino superior, onde as coisas realmente se intensificam.

Mas na Itália, as coisas são bem diferentes, pois a educação é tratada como coisa séria desde os níveis mais baixos, onde as crianças recebem uma educação de qualidade, independente da classificação da escola em que ela estiver estudando, seja ela pública ou privada. Além disso, as crianças são obrigadas a estar matriculadas em uma instituição de ensino.

Para que tudo fique claro, vamos começar do ensino mais básico até o superior, para que você entenda como a educação da Itália funciona desde a sua base. Agora vamos direto ao sistema de ensino e como ele funciona nas suas divisões:

O ensino infantil

O ensino infantil ou Istruzione Prescolastica é o começo da trajetória do aluno italiano, sendo responsável pela criação das funções cognitivas da criança. Este nível de educação é dividido entre duas etapas específicas, que nós aqui no Brasil, também já conhecemos:

Creche – Crianças dos 3 meses aos 3 anos

Jardim de infância ou Scuola dell’infanzia – Para crianças entre 2 e 5 anos

Ensino fundamental

Lembra que nós falamos acima que a educação na Itália é levada a sério? Pois é, é nesta etapa que o ensino começa a ficar obrigatório, o que é algo que se explica pelas próprias competências que o aluno adquire ao longo do tempo que estiver nessa fase de educação.

O ensino também se divide nessa etapa, sendo eles:

Scuola primaria ou Scuola Elementare

São 5 séries no ensino primário, onde as salas são preenchidas com até 25 alunos e nada mais que isso. Para que os alunos passem para o próximo nível de ensino, acontece uma prova escrita e também oral.

Scuola secondaria di primo grado ou Scuola Media

O ensino secundário fundamental tem 3 séries e os alunos geralmente estão entre 11 e 14 anos. Ao término do ensino secundário, os alunos realizam um teste para que possam ingressar no ensino médio.

Ensino médio

O ensino médio ou Scuola secondaria di secondo grado, funciona de uma forma um pouco diferente do que temos aqui no Brasil, pois ao contrário do nosso sistema com 3 anos, a Itália utiliza 5, tendo ao final dessa etapa o Esame d`Estato, que é basicamente o ENEM aqui do Brasil.

Estudar na Itália: biblioteca

Ensino Superior

Agora chegamos ao ensino superior ou Istruzione superiore (Universitá), onde a obrigatoriedade termina, mas as responsabilidades crescem. No sistema universitário da Itália existem ciclos que determinam as graduações e o nível de ensino.

O primeiro ciclo é responsável pelas graduações normais, como bacharelado e licenciatura. Que duram 3 anos.

O segundo ciclo tem a duração de 2 anos e é composto pelas pós-graduações e mestrado.

O terceiro ciclo corresponde às graduações mais altas, como o doutorado e também diplomas relacionados a pesquisas mais avançadas e específicas.

Estudar na Itália: tabela do ensino superior
Foto: https://www.lescuolestatali.it/

Como estudar na Itália

Atualmente, a Itália figura na 23ª posição do PISA, um ranking mundial de educação, onde todos os países são submetidos a testes de leitura, ciências e matemática. Neste ranking, a Itália está à frente de países como Hungria, Brasil, Islândia, Malta e o Chipre, que atualmente, é uma das maiores economias da Europa.

Para estudar na Itália é necessário que você, primeiramente, consiga um visto de estudante, que para muitas pessoas, é a porta de entrada não apenas para o mercado de trabalho, mas também para uma vida com maior qualidade em um país de primeiro mundo. Com o seu visto em mãos, você já terá a permissão necessária para se matricular em uma instituição de ensino.

Ruas de Veneza

Mas lembre-se: o visto de estudo na Itália é diferente do visto da Austrália ou Nova Zelândia, por exemplo, que já vêm com a permissão de estudo e trabalho. Mas não se preocupe, pois abaixo, vamos explicar melhor sobre isso.

Na Itália, o mais comum para alunos estrangeiros, é que desembarquem no país para que comecem os seus estudos em uma escola de idioma, pois o que seria melhor para aprender italiano do que viver na própria cultura italiana?

Com a prática direta com os cidadãos e a vivência dos seus costumes, o aluno aprende a língua italiana na mesma medida que consegue ter uma ótima experiência de intercâmbio, refletindo também na qualidade de vida que ele terá no país. Pois a partir do momento que você aprende italiano, também consegue desfrutar o melhor da Itália.

Trabalhe enquanto estuda na Itália

E tem mais: você sabia que é possível trabalhar enquanto estuda na Itália? Pois é. Estando matriculado em um curso de idioma de longa duração (6 meses), o intercambista pode solicitar o Permesso de Soggiorno, um documento que permite a residência temporária no país, que consequentemente também permite o trabalho nas terras italianas. 

Entendeu a diferença do visto da Itália para o da Austrália, por exemplo? Com o visto de estudante italiano você consegue estudar no país, mas basta o Permesso de Soggiorno para que consiga a permissão de trabalho.

Scooter italiana

Os países da Europa valorizam a educação e acreditam que ela é o grande trunfo para que uma nação cresça forte e muito próspera. Por isso, países como Irlanda, Alemanha, Inglaterra e a própria Itália, costumam receber estudantes estrangeiros de braços abertos, pois além de se tornarem ótimos profissionais, se tornam cidadãos que podem investir na economia do país.

Chegando até aqui, eu aposto que você se interessou por fazer o seu intercâmbio na Itália, melhor ainda se quiser viver uma experiência incrível no país para seguir o caminho dos seus sonhos. Se você ainda não sabe como seguir este caminho ou tem alguma dúvida, clica no botão abaixo e nós vamos retornar o mais rápido possível com as respostas que você precisa!

Gostou deste post? A Dreams sabe que você tem muita vontade de aprender sobre o destino dos seus sonhos, por isso temos um blog cheio de conteúdos sobre a cultura, custo de vida, curiosidades e notícias sobre diversos países. Acesse o nosso blog e fique a vontade para consumir mais conteúdos como esse!