Dicas de viagemEstude e trabalhe no exterior

Custo de vida na Espanha em 2022: economize enquanto estuda no país

há um ano

O custo de vida na Espanha sempre é muito pesquisado ou procurado pelas pessoas, pois na Europa, a Espanha é um dos países que mais estão em plena evolução econômica. Mas o que muitas pessoas não sabem, é que a Espanha, atualmente, é uma das maiores economias da Europa. Então, se você se interessa por saber melhor sobre como é o custo de vida na Espanha, você veio ao lugar certo!


O custo de vida na Espanha

Utilizando o Brasil como exemplo, um país pode ser gigante e ainda assim não conseguir suprir as suas próprias necessidades, o que reflete diretamente em seus habitantes, que acabam pagando preços muitas vezes exorbitantes em cima dos produtos e serviços mais básicos.

Mas a Espanha, além de ser o 6º maior país da Europa em extensão territorial, também é uma das 10 maiores economias do continente, ficando na frente de países como Irlanda, França e Itália.

Mas, vamos deixar de falar um pouco sobre como a Espanha é um país grande na Europa, e vamos direto ao ponto deste post, que é exemplificar o custo de vida na Espanha e deixar bem claro sobre quais são os pontos em que ele se faz econômico.

Utilizaremos o mesmo formato que já utilizamos em outros posts, de forma rápida e simples. Desta vez, utilizamos a plataforma Numbeo, que além de reunir dados atualizados, consegue nos trazer dados sobre vários segmentos básicos e importantes, como: alimentação, transporte, moradia e lazer.

Custo de vida na Espanha em 2021


Alimentação

ItemPreço Médio
Refeição, restaurante barato€11
Refeição para 2 pessoas, restaurante médio, três pratos
McMeal no McDonalds (ou refeição combinada equivalente)
Leite (normal), (1 litro)


Transporte

ItemPreço Médio
Bilhete só de ida (transporte local)€1,40
Passe Mensal (Preço Regular)€40,00
Táxi Início (tarifa normal)€3,50
Gasolina (1 litro)€1,27


Moradia

LocalPreço Médio
Apartamento (1 quarto) no centro da cidade€649,11
Apartamento (1 quarto) Fora do Centro€496,83


Analisando o custo de vida na Espanha


Já temos os números e isso é ótimo, o que já serve, se você quiser saber os preços de forma mais rápida e direta. Mas é importante entender como esses preços funcionam e como você pode tirar o melhor resultado de cada um.

Alimentação

Quando o assunto é alimentação, nós economizamos, mas nunca na saúde, pois é a alimentação que nos mantém com ótimo humor e energia, certo? Então escolha com cuidado qual será a sua fonte de alimentação.

Almoçar em um restaurante barato não é tão caro na Espanha, principalmente se você tiver um bom planejamento econômico, porém, o mercado sempre será a melhor escolha para quem deseja aliar o preço ao seu estado de saúde. O pão fresco é muito mais barato do que em países como Alemanha e Irlanda, assim como o arroz, que consegue estar presente em diversos tipos de prato.

Transporte

A menos que você já more dentro do campus da instituição de ensino, o seu intercâmbio precisa do melhor transporte público. E a Espanha, além de ter ótimas estradas, tem um transporte público totalmente funcional, que por meio de um preço significativo, consegue proporcionar um ótimo serviço mensal. Além disso, você pode economizar ainda mais se adotar o sistema de bicicletas, que interliga quase toda a Espanha.

Utilidades e moradia

O intercâmbista precisa buscar sempre a maior economia possível para que possa investir em outras áreas de necessidade. Um apartamento no centro da cidade, não é tão caro como em outros países, mas você sempre pode “rachar” o quarto com outro estudante, o que diminui ainda mais o preço da sua moradia e contas em geral.


O salário mínimo e o custo de vida na Espanha


A gente sempre tenta trazer o melhor conteúdo para quem busca as melhores informações, por isso, não adianta falarmos sobre o custo de vida de uma forma tão direta, sem ao menos abordamos um assunto que é importante não apenas para o cálculo do custo de vida, mas também para a vida em geral na Espanha.

Atualmente, o salário mínimo da Espanha ou o Sueldo Mínimo, se encontra no valor de 950 €, que não é tão alto se comparado com a Alemanha, que tem um valor mais alto. Mas tudo depende da perspectiva de quem está gastando aquele salário, não é mesmo?

Nós falamos várias vezes sobre como a Espanha tem preços muito mais baixos do que outros países da Europa, e isso não é por acaso. Não adianta ter um salário mínimo alto, se os preços médios também são altos. O salário mínimo da Espanha reflete os baixos preços que o país oferece, principalmente no setor imobiliário, que geralmente costuma ser muito caro, mesmo em países que costumam baratear.

E claro, não poderíamos esquecer daquele lembrete que sempre deixamos para os estudantes que estão se planejando para estudar e trabalhar na Europa:

Você estará ganhando em EURO, uma moeda que atualmente, equivale a R$ 6,46. Por isso, independente do salário mais alto ou mais baixo dentro da Europa, lembre-se que estará tendo uma renda acima da média mundial.

Chegando até aqui, eu aposto que você se interessou por fazer o seu intercâmbio na Espanha, melhor ainda se quiser viver uma experiência incrível no país para seguir o caminho dos seus sonhos. Se você ainda não sabe como seguir este caminho ou tem alguma dúvida, clica no botão abaixo e nós vamos retornar o mais rápido possível com as respostas que você precisa!

Gostou deste post? A Dreams sabe que você tem muita vontade de aprender sobre o destino dos seus sonhos, por isso temos um blog cheio de conteúdos sobre a cultura, custo de vida, curiosidades e notícias sobre diversos países. Acesse o nosso blog e fique a vontade para consumir mais conteúdos como esse!