Imigração

Vale do Silício: o que é, as empresas e a imigração

há 2 meses

O Vale do Silício é um local incrível e com vantagens incríveis para quem deseja trabalhar com tecnologia, conquistando aquele emprego dos sonhos em uma empresa de alto nível internacional. Porém, nem todo mundo sabe disso, e se sabe, não entende muito bem sobre os detalhes que fazem desse lugar uma verdadeira máquina de evolução tecnológica.

Abaixo, saiba tudo sobre o Vale do Silício e se você pode trabalhar neste lugar incrível:

O que é o Vale do Silício?

 Muitas pessoas costumam se perguntar: “O que é o Vale do Silício e por que tantas pessoas falam nele?”. Bom, a primeira coisa que podemos deixar bem clara para você, é que essa dúvida é bem comum e as pessoas até costumam pensar que o local é um ponto turístico, com campos verdejantes e tudo mais.

E ele pode até ser um local turístico, pois sem dúvida, milhares de pessoas vão até o Vale do Silício para entender o quão grandioso é o berço de milhares startups norte-americanas. Porém, esse não é nem de perto o foco deste polo tecnológico incrível.

Vale do Silício

O Vale do Silício nasceu em 1950, na Califórnia, Estados Unidos, com o objetivo de ser um local incentivador do avanço científico e tecnológico, já que o governo estadunidense, nesta época, precisava lidar com o fim da segunda guerra mundial e o início da guerra fria, tendo que investir muito mais em tecnologia.

Assim, o Vale do Silício se tornou um grande fornecedor de tecnologia para o avanço tecnológico das forças norte americanas, com os seus chips e placas de última geração, que por sinal, deram origem ao nome do local.

O elemento químico “Sí” é a base da criação dos chips e circuitos eletrônicos, que se tornaram a grande marca de criação no lugar, tendo empresas renomadas do ramo dentro do vale, como a AMD, responsável por processadores potentes para quem ama o mundo dos jogos ou até mesmo a HP, que fornece vários componentes de hardware para computadores mais básicos.

A geografia do Vale do Silício

Ao contrário do que algumas pessoas podem pensar, o vale não é um grande lugar de co-working ou um campus com empresas aglomeradas, mas sim uma grande região que abrange uma grande parte da Califórnia, ocupando uma área que se estende da cidade de São Francisco até a cidade de San José.

Mapa do Vale do Silício

Dentre São Francisco e San José o Vale do Silício abrange as cidades de Palo Alto, Santa Clara, Campbell, Cupertino, Fremont, Los Altos, Los Gatos, Saratoga, Mountain View, Milpitas, Newark, Redwood City, Union City e Menlo Park.

Quais são as empresas do Vale?

Acima nós falamos sobre a AMD e a HP, que já são conhecidas no meio da informática básica. Porém, existem muitas outras empresas incríveis que estão dentro do Vale do Silício. Abaixo, saiba sobre algumas delas, sem uma ordem de ranking que diferencie qual é a melhor, mas sim para que você saiba o quão diversificada pode ser a região:

1 – Apple

Criada por Steve Jobs e Steve Wozniak, a gigante dos eletrônicos e também responsável por softwares que auxiliam o público em escala mundial, foi fundada em 1976 e atualmente tem o seu valor de mercado estimado em US$ 611.9 bilhões.

2 – Facebook

A gigante comandada por Mark Zuckerberg e que começou como uma rede social, hoje já atinge o mundo inteiro e abrange outras plataformas como o Instagram e o Whatsapp. Atualmente, a empresa vale US$ 1,01 trilhão.

3 – Google

A maior ferramenta de busca online do mundo, dispensa apresentações, até porque, você provavelmente chegou a este post por meio dos mecanismos de pesquisa dessa gigante da tecnologia, que interliga pessoas a conteúdos multimídia em qualquer lugar do mundo.

4 – Nvidia

Seja para games ou para mineração de moedas virtuais, você com certeza já deve ter ouvido falar no termo “placa de vídeo”. E a NVidia é referência neste assunto, pois além de ser a maior desenvolvedora de placas de vídeo do mundo, a Nvidia é referência no mercado quando o assunto é tecnologia gráfica.

5 – Eletronic Arts

E falando no mundo dos jogos, precisamos falar sobre a responsável por desenvolver jogos de sucesso como: The Sims, FIFA, Battlefield, Titanfall e o mais recente, Apex Legends. A Eletronic Arts é o sonho de todo desenvolvedor de games que deseje ganhar o mundo.

Brasileiros podem trabalhar no Vale do Silício?

Todo mundo pode trabalhar no Vale do Silício, basta que se mantenha capacitado da melhor forma possível, com um currículo alinhado com os propósitos atuais da empresa e, claro, com as melhores experiências educacionais.

E para reforçar isso, você sabia que atualmente existem 39 empresas fundadas por brasileiros no Vale do Silício? Pois é. O lugar não cresceu do nada, crescendo apenas com empresas de dentro dos EUA. A diversidade é o que faz do Silicon Valley o que ele é hoje, com empresas de diferentes países formando um campus tecnológico gigante.

Startups como a Brex, que foi criada pelos brasileiros Henrique Dubugras e Pedro Franceschi em 2017, é um dos exemplos dessa grande transformação que o Vale do Silício promove aos seus participantes.

Para reforçar, podemos utilizar um estudo recente, feito pela National Foundation for American Policy, indicando que mais da metade (55%) das empresas unicórnio no Vale do Silício foram fundadas por um imigrante, então não precisa se preocupar se você pode trabalhar no Vale do Silício, mas sim como você pode se capacitar da melhor forma possível para estar lá.